Corticoides no combate à Alopecia: por que, quando e como usar

Problemas respiratórios, renais, intestinais, neurológicos, dermatológicos, oculares, relativos ao sangue e/ou à gravidez, psoríase, lúpus, artrite, artrose e gota (apenas para mencionar alguns exemplos): cada uma dessas desordens e/ou doenças possui as suas próprias especificidades, mas, no que diz respeito ao seu tratamento, todas elas apresentam um nome em comum: os corticoides.

corticoides no combate a calvicieOs corticoides sao um grupo de medicamentos empregado com bastante frequência por diversas areas da medicina. A sua acão reproduz o efeito do cortisol, um hormonio produzido no nosso corpo pelas glândulas suprarrenais e que promove uma maior disponibilidade de energia para o nosso organismo quando este e acometido por situações que costumam gerar bastante tensão (“estresse”). Entre outras, o cortisol desempenha funções metabolicas, cardiacas, cicatrizantes e imunológicas.

Porém, é preciso considerar que, apesar da ampla gama de casos para os quais os corticoides podem ser indicados, a lista de efeitos colaterais decorrentes da sua prescrição incorreta pode ser ainda maior, desencadeando desde um aumento na pressão sanguínea e nas taxas consideradas saudáveis para os níveis de colesterol até a manifestação de doenças como o glaucoma, osteoporose e diabetes.

corticoides e alopecia areataNo tratamento de alguns tipos de calvicie, particularmente, o uso de corticoides tem resultados bastante positivos, tendo em vista a sua acao anti-inflamatoria e a sua atuação em processos imunitarios, entre os quais se encontra, por exemplo, a alopecia areata.

A alopecia areata e uma doença que se processa assintomaticamente, caracterizando-se pela repentina perda dos cabelos, cujas áreas afetadas (distantes uma da outra) ficam lisas, sem que haja qualquer alteração e/ou inflamação na pele do couro cabeludo. A autoimunidade deste tipo de alopecia está relacionada ao mecanismo em que o sistema imunológico ataca os próprios folículos capilares (as estruturas produtoras dos fios de cabelo), podendo surpreender qualquer pessoa, independentemente de sexo, ascendência ou idade. Simplesmente, perdem-se tufos de fios que dão lugar a áreas do couro cabeludo completamente lisas, no formato oval ou redondo.

 

luis tricotest consultaOlá, tudo bem? Desculpe interromper a sua leitura!
Eu sou o Luis, gerente aqui da Clínica Tricosalus, e estou passando para convidá-lo(a) a conhecer o Tricotest – nosso exame de análise capilar.
Clique aqui e assista ao vídeo.

 

Em pacientes diagnosticados com a alopecia areata, os corticoides atuam diminuindo a atividade do sistema imunológico e, ao mesmo tempo, estimulando o crescimento de novos fios.

Os corticoides podem ser administrados por via oral, infiltrações locais ou, ainda, por uso tópico (pomadas). Embora a sua eficácia diminua de modo decrescente nas formas descritas, os riscos dos efeitos colaterais são maiores conforme se aumenta a potência, sendo maior por via oral.

O tratamento pode levar vários meses até alcançar totalmente os seus objetivos, sendo de se esperar que as primeiras mechas de cabelo nasçam ainda muito frágeis e com a sua coloração alterada (até mesmo branca). Todavia, com o tempo e a orientação adequada, os fios tendem a recuperar a sua força e a aparência habitual.

Vale ressaltar que o organismo de cada paciente pode ter uma resposta diferente ao uso dos corticoides, e que outros diagnósticos para a alopecia (como a alopecia androgenética e o efluvio telógeno) não devem contemplar esse tipo de terapia. Além disso, é fundamental que o médico responsável (dermatologista/tricologista) seja altamente qualificado para realizar a prescrição e o uso dessa substância.

Assim, para quem está sofrendo com a perda acentuada dos cabelos e deseja saber mais sobre este assunto e/ou outras maneiras de combatê-la, a melhor e mais coerente orientação continua sendo o agendamento de uma consulta com o especialista da área o mais rápido possível.

Para tanto, a Tricosalus Clinics coloca à disposição dos interessados a sua equipe de profissionais, que é comprovadamente experiente e capacitada na realização de diagnósticos com os mais avançados recursos da moderna tecnologia e no tratamento da calvície por meio de métodos não cirúrgicos, promovendo não apenas a saúde capilar, mas, ainda, o bem-estar de quem finalmente pode voltar a se sentir satisfeito e seguro com a própria aparência.

Responder

Seu email não será divulgado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.